Páginas

28 de mai de 2016

Ligia Soares Skrebsky 27 de maio de 2015 às 21:03 · obvious · Eu tenho 72 anos e tenho os mesmos sonhos e desejos que eu tinha aos 15, aos 20 anos. A saúde da alma e do corpo, eu entendo que não se pode prendê-los a tabus, preconceitos e discriminações. Eu me guardo ainda quando me guardava quando muito jovem. A gente não é coisa que qualquer um pode pegar, nem mesmo o marido. Embora neste sistema patriarcal que impera a força do cavalo sobre a mulher... antes de continuar quero pedir perdão ao cavalo, porque cavalo é cavalo, e homem se parece pior que cavalo com esses índices de violências que as mulheres coisificadas por eles sofrem. Pobres filhos! Que nação poderemos ter? Se não esta que está aí. O homem que não tem nobreza, caráter é lamentável, porque até mesmo as vadias, eram consideradas pelo Cristo seres respeitáveis, porque Ele sabia que todos temos uma essência divina que nos envolve e só o Amor uns pelos outros poderá fazer brilhar e purificar o mundo, Nunca o mundo será purificado e perfumado com maledicências. O pior de tudo é que mesmo as mulheres se afeiçoaram a toda espécie de males, levadas pelos seus considerados machos e umas se fazem rivais das outras, enquanto eles se acobertam e se protegem. Esse colo materno deveria ser consolo e tenda para os filhos que abandonados, têm como escola e aprendizado somente mazelas e assim o mundo caminha bastardo e sofredor. Homem, Mulher e demais gêneros vamos construir o mundo. Morrer velhos, depois de uma longa vida cheia de venturas, de mãos dadas e felizes. O amor não é feio, feio é o ódio e como disse o Papa Francisco, a Hipocrisia. Somos inteligentes e entendemos o certo do errado. Podemos sorrir, abraçar, amar e beijar muito. Infelizes os maliciosos, os perversos... e.... e..... e.... é isto.

Nenhum comentário:

Siga-me por e-mail