Páginas

12 de fev de 2016

Simples assim...
Deixar a criança ser criança
São sábias corujinhas
Suas traquinagens são fábricas
De aprendizes
De prósperos engenheiros do porvir.

Nenhum comentário:

Siga-me por e-mail